Sexo Seguro e Seus Desafios
Textos e Comentários


Chupar, Chupar Que Delícia…!!!


Cena vampiresca com um sabor de desejo, mistério, tesão e intensidade. Muitos preferem não assumir que chupam, felam, mas sabemos que todos chupam e todos não passam de Chuparinos ou Chuparinas.

Conjugado o verbo Chupar no Presente do Indicativo, perceberemos que todos, sem excessão chupam e se deliciam com o ato...

 

 


A performace do bailar da cena chupar é tão envolvente que a boca por meio de uma sucção delicada ou feroz feita pelo movimento dos lábios e da língua, ambos cumplices nesta parceria de prazer.

Todos os movimentos absorvidos, embebidos como se ingerisse uma fusão afrosidíaca. Desse movimento de sucção o indivíduo explora, extorque e aproveita do dissolver na saliva uma substância sólida, embranquecida, a qual será engerida ou não.

 

 O esperto chupa, suga, mama todas as chances ao seu alcance sem deixar uma gota se quer para contar histórias de prazer, volúpia...neste momento, o tempo do presente para, pois esta provado quem espera nunca alcança, a pessoa age sem pensar, simplesmente bebesse o leite, a tempestade de prazer.

 


Os/as Chuparinos/as, os/as que Arreiam as Vovós, os Cablocos Mamadores e os que Endacam nos edis segundo os ditos populares na comunidade HSH, necessitam entender que prazer é seguido de responsabilidade.

 Sexo responsável é um fator de segurança para você, para toda a sua vida saudável e para o seu parceiro caso tenha. Caso não, você é parceiro, amante, apaixonado de você mesmo.

É mais do que evidenciado que ninguém Chupa Bala com Camisinha e não importa o quanto se fale de DSTs – Doenças Sexualmente Transmissíveis.

 As Chuparinas contínuarão a deliciar-se na hora H sem proteção de vida.

Estamos muito direcionados para o HIV/AIDS, pelo menos no imaginário popular e na maioria das vezes bloqueamos a lista cada vez mais evidente das DSTs nos dias de hoje.

Ao fazer uma Gravação “chupar” e quando o parceiro fixo ou não ao Soltar a Fita, a Muquila “esperma” evite o contato direto com a mucosa da boca. Faça um Êque e gema de prazer sem o contato do necta prazeroso em sua boca.



Isto é se você não estiver chupando com camisinha.

Caso sim! Parabéns pela prática do Sexo Responsável!

Faça do sexo um prazer e não uma futura dor de cabeça a qual não passa com uma simples Aspirina.

 


Chupar? Chupar! Que delícia!!!


Vagner e Almeida

Editorial do Extra G 2005



CHUPAR OU NÃO CHUPAR ÉS A QUESTÃO!
BOQUETAR OU NÃO BOQUETAR ÉS A QUESTÃO!


Você lembra quando você colocava o dedo na boca e a sua mãe lhe chamava de menino feio ou porquinho?

Sim, claro que você se lembra e isto não faz muito tempo para alguns e para outros o tempo do dedo na boca ficou lá para trás.

O tempo passou, você mudou e agora você coloca na boca outras coisas ...


Muitos gays e bissexuais têm muitas dúvidas sobre HIV e Chupada, Sexo Oral, Boquetada, Mamada, Felação e tantas outras palavras criadas para a simples chupada de pau.


Muitos gays se sentem confusos e preocupados com a chupada sem o preservativo e qual realmente é o risco dessa chupada de bala sem o papel.

Atualmente não se sabe tudo sobre sexo oral e HIV, mas algumas coisas são sabidas e isto é um início bem positivo. Há certos riscos da pessoa vir a se infectar com o HIV via a Boquete.

É mais do que sabido que uma chupada é menos perigosa do que um sexo anal desprotegido.

Pesquisas e estudos em milhares de homossexuais e bissexuais tem demonstrado claramente que sexo oral sem preservativo tem uma percentagem muito pequena de se contrair o vírus do HIV do que sexo anal sem camisinha.

A ciência não pode afirmar exatamente o número de pessoas infectadas pelo HIV através da Chupada, mas pode afirmar que em comparação ao sexo anal desprotegido o número é muito baixo.

Sexo Oral, Chupada, Boquetada ...não é 100% seguro! Lembre-se sempre disto! Esteja com a boca aberta e alerta!

Um pequeno número de casos isolados de infecção do HIV através do sexo oral (30 casos mais ou menos) tem sido reportado em boletins científicos.

Cientistas têm descoberto o vírus do HIV na pré-ejaculação, no entanto não é claro se o vírus presente possui quantidade suficiente para uma infecção.

Simplificando a explicação, há evidências que ocasionalmente boquete pode resultar em uma infecção do HIV.Este risco é substancialmente menos do que o sexo anal sem o preservativo. Pesquisas e estudos continuam sobre a prática do sexo oral, pois até no presente momento não há uma medida exata do nível de risco através da chupada.

O que é mais importante para você colocar na sua boca?

Um pedaço de pizza? Uma lasca de rapadura? Um cachorro quente recheado de cebola e pimentão? Uma latinha de cerveja? Ou uma piroca grossa ou fina? Torta ou reta?  Negra ou branca? Cabeçuda ou com fimose?

A decisão é sua e de mais ninguém!

Sabendo o que se sabe sobre sexo oral qual é a sua decisão a fazer na hora do vamos ajoelhar e rezar no santo toco?

Todos os dias as pessoas fazem decisões sobre os riscos do cotidiano e escolhem para conviver com eles em suas vidas. Quando se fala em sexo, mais do que outra coisa qualquer, somente você pode decidir qual é o maior risco para você e o que não é risco.


Sexo entre homens é muito prazeroso, expressa intimidade e tantos outros bons sentimentos, e a chupada está incluída em quase 98% desses relacionamentos fixos ou ocasionais.

 Chupada é o sexo mais comum entre homens que fazem sexo com homens, incluindo homens que adoram sexo anal. Homens que têm um prazer imenso por um edi, mas a boquete está lá presente como um adicional antes do prato principal.

* Decidindo ter sexo oral, como você pensa ter ele?
* Com que freqüência você faz sexo oral?
* Com quem você faz essa prática de sexo?
* Quais são os riscos da boquete que você conhece?

Na verdade muitos homens têm feito algumas decisões sobre sexo oral.

*Alguns preferem não terem nenhum risco, então eles se recusam a chupar ou chupam com a camisinha.
*Muitos caras não gostam do gosto que o preservativo tem e preferem mamar sem a camisinha. Ao vivo é mais gostoso como a maioria diz. Ao natural é que se sente o pedaço da carne na boca. Não deixa de ser verdade, mas conseqüências também existem.
*Alguns homens evitam ter o semem, porra, leitinho na boca ou param de chupar quando sentem o gosto da pré-ejaculação na boca.
*Outros homens têm reduzido o número de parceiros que eles chupam.

Por que não se sabe exatamente o risco da infecção do HIV através do sexo oral, muitos homens se sentem ansiosos, preocupados sobre chupar pau e ficam cheios de indecisões de quando, onde e como ter sexo oral. Muitos gays têm se sentido muito confusos sobre essa  prática sexual oral e essas questões muitas das vezes não tem nada a ver com o HIV. Muitos se sentem manipulados com a homofobia contra a chupada. Ser passivo ou ativo depende de quem está chupando.

É importante você mesmo fazer umas perguntas a você mesmo e tentar obter as suas próprias respostas antes de tomar decisões mais fortes em sua vida.

* O que sexo faz para você?
* Qual é o tipo de sexo  mais importante para você?
* Que tipo de parceiro é mais interessante para você ter sexo oral?

Respondendo algumas dessas questões para você mesmo, ajudará a tomar decisões mais inteligentes para a sua saúde e para o tipo de sexo que você gosta de fazer.

 A decisão que você tomar é a mesma que você terá que viver com ela para o resto de sua vida caso algo de errado ocorra.

Se você está receoso sobre o que significa menos risco para um sexo oral não protegido com a camisinha, ou ainda não se convenceu que riscos existem, então você deve observar algumas advertências importantes abaixo.

Alguns riscos que devemos levantar mediante alguns riscos do sexo oral.

  • O Estatus do HIV de Seu Parceiro Sexual: Certamente que você não pode saber sempre se o parceiro fixo ou ocasional é negativo ou não. Mas algumas pessoas escolhem não chupar ninguém que ele saiba que é positivo. Outros já não se importam em chupar ou não uma pessoa positiva.

 

  • Recebendo Porra na Boca: Contínua sendo um risco cheio de dúvidas para a infecção do HIV, mas com certeza há imensa possibilidade de se adquirir DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis) com a chupada e a retenção de esperma na boca ou mesmo engolida.

 

  • Parceiros Recentemente Diagnosticados com HIV: Relatórios recentes sugerem que pessoas recentemente diagnosticadas com HIV geralmente têm mais vírus no seu corpo e podem os passa com maior facilidade. Também, pessoas que estão em estado avançado em sua infecção, tipicamente têm um nível muito elevado de vírus e pode ser muito perigoso manter o esperma dessa pessoa na boca ou a engolir.
  • Feridas, Cortes ou Inflamações no Pênis ou na Boca: Isto aparece com inflamações na gengiva, extração de dentes, fio dental, escovação dos dentes, fumando crack ou maconha, espalitando os dentes, aftas e tantos outros acidentes bucais.

 

  • Doenças Sexuais: Se você já teve outras infecções antes ter começar a chupar um pau, tais como sífilis, gonorréia, clamídia ou herpes, você está mais arriscado em se infectar com o vírus do HIV.

 

  • Saração, Rala-Rala Prolongada ou Sexo Oral Repetido: Muito comum perder a noção do tempo do espaço e de sexo seguro em festas ardentes, no meio de uma suruba na sauna, no escurinho do cinema de filme pornô ou em um quarto escuro de boate. Toda essa mistura pode machucar sua garganta, boca ou pau e aumentar o risco da infecção do HIV.

 

  • Drogas Que Provocam Lezeira, Que Lhe Tira de Órbita Que falsamente Libera a Sua Liberdade de Expressão: Podem provocar ferimentos em sua boca e garganta e muitas dessas drogas não são nem reconhecidas como drogas para você. As bebidas alcoólicas, cristais, cocaína, poppers, ectase, especial K, esteroides e crack.
  • Seu Número Diferente de Parceiros:  Is to não significa risco para contrair o vírus do HIV. Não é a quantidade de parceiros que é perigoso, mas sim a qualidade de sexo que você faz com eles. Também é necessário se observar que ter muitos parceiros em um curto período de tempo (muitos parceiros em uma noite só na boate ou na sauna), faz com que você se torne muito mais vulnerável a uma série de infecções incluindo o HIV.

CHUPAR OU NÃO CHUPAR ÉS A QUESTÃO!

BOQUETAR SIM! MAS COM INTELIGÊNCIA!

USE PRESERVATIVO SEMPRE QUE POSSÍVEL EM TODAS AS SUAS ATIVIDADES SEXUAIS.

SEXO É SAÚDE, SEXO É ESPORTE, SEXO TAMBÉM É RESPONSABILIDADE COM VOCÊ E COM OS OUTROS.

 

Foto, texto adaptado e escrito por Vagner de Almeida do folder do GMHC (Gay Men’s Health Crisis) “To Suck or Not to Suck? Perguntas para homens gays.”

 


 

Teminologias do universo HSH

 

 

 

Muco gongado ou fuzado

Cabelo ou peruca feios, maltratados ou mau conservados

Neca matin cororo

Pau, piroca muito pequena

Soltar a fita

Gozar

Endoca no edi

Cunete

Dunda bem

Homem negro bonito

Quenda mona

Olha viado

Quebrar o carão

Se maquiar

Fazer o chuchu

Fazer a barba

Maionga

Banho

Arriar a vovó

Pagar boquete

Omim dundun

Café

Aracá face

Cara, rosto

Carão

Metido, seboso ou muito bonito

Xoxar, mamar

Falar mau

Rezar

Segurar vela, não sair do pe

Orí

Cabeça

Ode ou iobá

Mulher, efeminado

Oco, soquete

Homem ativo

Ilê

casa

Cossi, lesado não cata

Pessoa que não entende que é lerdo para entender

Lombar

Colocar  silicone

Hormonizada

Travesti que toma hormônio para parecer mulher

Raspar xangô

Fazer homem gordo

Baco

sexo

Erê, eremim

criança

Edi cheio de brinca

Cu com pregas arrebentadas ou com codiloma acuminado (dst)

Mona de equê

Viado, travesti, gay... mulher de mentira

Mona  ocó

Sapatão

odara

Maravilhoso, legal, ótimo...

Sem luz

Gay sem sorte, que atrai confusão

Vovó chuparina e caboclo mamador

Gay que gosta de fazer sexo oral

mafiosa

Perigosa

atôtô

Marcas de ferida, vem do Omulú

oti

Bebida alcoólica

Se colocar

Ficar bêbada

nena

Cocô

Mala com savi

Pau sujo

Soltar a muquila

Gozar

Ximba

Surra, apanhar

coió

Zoação, encarnação

Tia Cleide, alibã

Polícia

Tô bege

Surpreendida por alguma coisa

A leba na cabeça

Ter sorte, ser safo, ter poder.

Tô velha

Tô chocada

checar

Fazer cocô no pau do bofe

Ebô forte

Pessoa ou coisa negativa, ruim,

Corre corre

Carro, ônibus.

Botar na Chave

Marcar um encontro

Botar na fita

Ter participação, marcar um encontro com alguém,

Do mal

Significa que e do bem
Ex: Essa comida é do mal = essa comida é gostosa.

Quebra mola

Ir mais devagar, c/ a agressão e as palavras

Buceta de bosta

Travesti, andrógenos, afeminados

Casa do balé

Cemitério

Caluga

Cova, buraco

Obê

Faca

Okane

Pau

Força de Dadá

Santo


MAIN (English version)
PRINCIPAL (clicar Português)

 

para maiores informações enviar e-mail:
vagner.de.almeida@gmail.com